Verifique se entregamos em sua cidade clicando aqui.

A diversidade e as ameaças da Mata Atlântica

  • 2 min ler

A diversidade e as ameaças da Mata Atlântica

Saiba mais sobre a nossa querida Mata Atlântica!

A Mata Atlântica abriga muitas espécies diferentes de plantas e animais. Infelizmente, alguns deles estão ameaçados de extinção. Conheça um pouco mais sobre a riqueza desse habitat e saiba porque é importante amá-lo e respeitá-lo. A Mata Atlântica abriga mais de 15 mil espécies de plantas e mais de 2 mil espécies de animais vertebrados, sem contar os insetos e outros animais invertebrados. Não é a toa que ela é uma das florestas mais ricas em biodiversidade do mundo, e ainda, muitas das espécies encontradas neste bioma são endêmicas, ou seja, só existem neste ecossistema o qual, infelizmente, é considerado como o quinto mais ameaçado do planeta. Cerca de 400 animais e 200 espécies de plantas estão ameaçadas de extinção, entre eles, o mico-leão-dourado, a onça-pintada, o tamanduá, o bugio, a palmeira-juçara, o pau-brasil, o jequitibá-rosa, a peroba. Na época do descobrimento do Brasil, a Mata Atlântica cobria uma área equivalente a 1.315.460 km². Hoje, restam menos de 10% desta floresta cujos mananciais de agua abastecem inúmeras cidades brasileiras (incluindo as principias metrópoles), purifica o ar, regula o clima e protege o solo da erosão. Foi reconhecida como Patrimônio Nacional pela Constituição Federal de 1988 e como Reserva da Biosfera pela UNESCO. Em razão da relevância desse bioma, foi instituído o dia 27 de maio como o Dia da Mata Atlântica, uma forma de incentivar iniciativas de preservação e de proteção ambiental. A data escolhida faz referência a outro marco histórico. Em 27 de maio de 1560, o Padre Anchieta escreveu a Carta de São Vicente dirigida aos seus superiores. Na carta, ele discorria sobre as belezas e as qualidades da mata encontrada em nosso litoral. Na semana do Meio Ambiente, aproveite para entrar em maior contato com a natureza, praia, parques, cachoeiras e renove sua energia! No Rio, temos parques como o da Tijuca e o da Pedra Branca que podem proporcionar esta vivência. Para o pessoal de São Paulo, a ONG @sosmataatlantica está buscando voluntários para participar da ação Viva a Mata Atlântica. Não se esqueça do nosso Clean Up em Ipanema no dia 9, e programe-se para estar conosco e com nossos parceiros do SOS Mata Atlântica no bate papo sobre ações de preservação após o Clean Up às 10.30h na Casa de Cultura Laura Alvim. Você sabe o impacto que causa diariamente? Saiba mais aqui! Conteúdo: Parceria Greenpeople e Instituto-E

Buscar